Social Media Sneak Peek #35


Facebook e o escândalo do compartilhamento de dados


Depois do escândalo de divulgação de dados da Cambridge Analytica, o Facebook anunciou que lançou o programa Data Abuse Bounty com o objetivo de recompensar as pessoas que relatam uso indevido de dados por desenvolvedores de aplicativos.


O programa recompensará as pessoas com base no impacto de cada relatório. Enquanto não há um máximo, relatórios de bugs de alto impacto pode chegar a até U$ 40.000. Se o abuso de dados for confirmado, os aplicativos ofensivos serão encerrados e ações legais serão tomadas contra a empresa que estiver vendendo ou comprando dados do usuário.


Em tempo: o Facebook valorizou cerca de U$ 24 milhões após a sabatina de Mark Zuckberg no Senado.




Stickers novos e Foco diferenciado chega ao Instagram



O Instagram lançou 2 novas funções na última quinta: um modo diferente de foco na câmera e um @mention sticker.


Com o novo foco, a pessoa poderá deixar em destaque a cena principal da imagem, desfocando o resto. Já o sticker de menções funcionará como os outros. Quando começar a digitar o nome do usuário, você poderá completá-lo com o formato atual dos stickers. Por enquanto, esse sticker está disponível somente no iOS.




Por falar em Instagram…


E você achou que o Instagram tinha se cansado de copiar o Snapchat? Errooooou. O app está testando uma nova ferramenta assim como Snapcode QR.


A nova ferramenta, chamada de Nametags e foi confirmada pela empresa que está em fase de testes. Aparentemente, os usuários poderão criar imagens de código QR especiais, e outros poderão escanear esses Nametags com a câmera do Instagram para segui-los.


O QR terá o nome de usuário no centro e um fundo gradiente de cor roxo Instagram, padrão feito de um único emoji ou um selfie com filtros de face de realidade aumentada que serão convertidos em um padrão de emoticons.





LinkedIn adere aos GIFs


O LinkedIn está liberando o uso de GIFs em mensagens privadas. A iniciativa conta com a parceria da plataforma Tenor.


Agora, os usuários podem pesquisar pelos GIFs, além de acessar as principais tendências. Em breve, a rede social também será capaz de mostrar quais GIFs estão sendo mais usados na plataforma. A ferramenta já está liberada para parte dos usuários do LinkedIn e deve ser lançada para os demais em breve.




Mudanças nos anúncios do YouTube


YouTube anunciou na semana passada que as empresas agora podem comprar seus anúncios TrueView e otimizá-los para alcance.


A empresa revelou que 87% dos anúncios de 6 segundos do Bumper do Google levaram "elevações significativas" no recall do anúncio, com uma média de 20% em todas as campanhas.


Eles acrescentaram que os novos anúncios TrueView combinam seu formato in-stream existente com a "simplicidade de compra de CPM [custo por mil impressões]", todos abrangidos pelos parâmetros 95% visíveis e 95% audíveis.


Isso significa que as marcas podem criar anúncios de até seis segundos (e até 30 segundos), que os usuários podem pular depois de cinco segundos e que serão exibidos antes ou durante os vídeos. Para os anúncios TrueView In-stream atuais do YouTube, os anunciantes pagam apenas quando os espectadores assistem a pelo menos 30 segundos ou ao final do vídeo, ou quando realizam ações como clicar em cards ou outros elementos no criativo.



Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square